sexta-feira , 22 setembro 2017
Home / Dicas / 6 coisas que você precisa saber sobre troca de óleo e filtro de carro

6 coisas que você precisa saber sobre troca de óleo e filtro de carro

Pode parecer uma bobagem, mas a troca do óleo é um dos procedimentos mais importantes para a vida útil do motor, e quando mal feita ou inexistente, pode acarretar em problemas que vão do simples aumento no consumo de combustível à redução do desempenho até a fundição do motor. Por isso separamos 6 dicas pra você não errar na hora de conferir, comprar ou trocar o óleo.

como-trocar-o-oleo-do-carro-nova-via-veiculos-e-cia

1 – Completar o nível
Com o uso do carro, o nível do óleo baixa um pouco devido às folgas do motor e à queima parcial na câmara de combustão. Assim, enquanto não chegar a hora da troca do óleo, deve-se completar o nível. Não há nada de errado nisso. As montadoras consideram normal baixar de meio litro a um litro de óleo a cada 1 mil quilômetros rodados, dependendo do modelo.

2 – O filtro também precisa ser trocado.
Ao contrário do que muita gente pensa, o filtro também deve ser trocado todas as vezes que houver troca do óleo do motor. Apesar de cada veículo ter uma especificação, não adianta trocar o óleo e deixar o filtro velho, já que é justamente ele que impede a circulação de impurezas pelo motor. Se os dois não forem trocados juntos pode haver comprometimento de outras peças, de custo elevado para reposição, principalmente quando comparadas ao preço do próprio filtro.

3 – Melhor oléo para o seu carro.
É aquele que vem especificado no Manual do proprietário que acompanha o carro de fábrica. Ele está indicado ali, não é à toa: os fabricantes investem pesado em pesquisas e tecnologia para conseguirem o lubrificante que melhor potencializa as características daquele motor. Se não houver jeito e você tiver que completar o óleo com um de outra marca, atenção nas suas especificações, elas devem ser as mesmas do óleo indicado pela fábrica.

4. – Local
Para realizar a troca de óleo o lugar recomendado é na concessionária da marca do veículo. Nem sempre o posto de gasolina é o local adequado, porque é comum o frentista não se preocupar em perguntar qual o óleo que já está no veículo e, no caso de apenas completar o nível, usar o óleo que tem disponível – é preciso levar em conta não só a marca, mas também a viscosidade e o tipo de produto. Para mudar de marca ou de tipo de óleo é preciso fazer uma troca completa, retirando todo o óleo velho, substituindo o filtro e só então colocar o novo produto. A medição do nível deve ser feita em um local plano e com o motor frio, preferencialmente após 10 minutos do carro parado. Se o nível estiver entre o mínimo e o máximo, não há necessidade de completar.

5 – Óleo velho
Sim, óleo fica velho. Caso o motorista rode pouco e não alcance a quilometragem estipulada para a troca, precisa substituir o lubrificante após seis meses. Depois desse prazo, o óleo velho pode prejudicar a bomba de óleo, que é a responsável por manter em dia a lubrificação do motor do carro. Ah, e esqueça aquela história de que óleo preto significa que está velho. Pelo contrário, se está preto é porque está lubrificando corretamente. O que vale são os prazos de troca que constam no manual do proprietário.

6- Quando é hora de trocar o óleo e o fitro. 
Você já sabe que ambos devem ser trocados juntos e porquê, agora veja quando. Mais uma vez o que deve ser levado em conta é o período indicado pela fabricante, inclusive com as ressalvas feitas no manual do proprietário. Quando o uso é considerado “severo”, em situações em que o carro enfrenta condições ruins de navegação, como ruas alagadas ou lama, muita poeira, engarrafamentos diários ou uso contínuo, o período deve ser antecipado. O período normal varia de acordo com a marca e o modelo do veículo e pode variar entre 15 mil e 7,5 mil quilômetros rodados, mas pode ser antecipado para 3 mil Km. A dica é olhar – e seguir – todas as recomendações do manual. Dessa forma você estará contribuindo para o melhor rendimento e uma vida útil mais longa do motor.

E agora te perguntamos, já olhou se o carro se está no período de troca?
Agenda o seu serviço com a gente: Volkswagen (61) 3962-6622 ou clique aqui | Ford (61) 3030-6663

 

Fonte: Bem Mais Seguro

Sobre Aurea Guimarães

Veja também

Embreagem-Nova-Vibrando-12

6 cuidados com a embreagem que evitam desgaste precoce

Fundamental para colocar o carro em movimento, é preciso ter alguns cuidados com a embreagem, …

One comment

  1. Muito legal suas dicas, sempre sofro por causa de não encontrar mecânico de confiança, é bom ter uma noção do que tem que ser feito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *